05/11/2015

Por que vacinar cedo as meninas contra o HPV?

Você provavelmente já ouviu falar das DSTs, o grupo de doenças que são transmitidas sexualmente. Dentro dessa categoria estão as lesões causadas pelo vírus HPV – o papiloma vírus humano na pele e nas mucosas genitais. O que nem todos sabem é que esse vírus está diretamente ligado ao desenvolvimento do segundo tipo de tumor que mais causa morte em mulheres no mundo: o Câncer de Colo de Útero.  

Segundo a ginecologista do Centro de Promoção à Saúde (CPS), Joyce Maciel, a vacina quadrivalente – que protege contra quatro subtipos do HPV – é a principal forma de prevenção contra o vírus. “A eficácia da vacina é comprovada para proteger mulheres que ainda não iniciaram a vida sexual, por isso, é indicada para adolescentes de 9 a 13 anos, em três doses”.  

Desde março de 2014, o SUS oferece a vacina gratuitamente. Joyce explica que, após a primeira dose, a menina deve receber a segunda seis meses depois, e a terceira, de reforço, cinco anos após a primeira dose. A segunda dose da vacina começou a ser distribuída em 1º de setembro e vai até 29 de dezembro. Meninas que ainda não foram vacinadas devem procurar uma Unidade de Saúde do SUS para receber a dose.