28/02/2019

Operadora investe em melhorias para retenção de beneficiários

Sempre de olho no equilíbrio financeiro do Prosaúde Integrado da Cemig (PSI), a Cemig Saúde estuda boas práticas de cobranças e alternativas para a retenção dos beneficiários.  

A proposta é que, ao longo de 2019, possamos implementar mudanças que vão melhorar a forma de cobrança, facilitar o entendimento dos beneficiários e permitir com que eles permaneçam no plano, evitando assim a saída por inadimplência.  

Veja algumas das propostas que estão sendo avaliadas pela Cemig Saúde:  

  • Estudamos adicionar novas formas de pagamento, sendo possível opções de cartão de débito, crédito e débito em conta e boleto.
  • Promover uma comunicação mais ágil, com os beneficiários evitando assim a sua exclusão do plano. Isto será realizado por contato por telefone, terá um investimento na criação de canais de comunicação via SMS e Whatsapp.
  • Revisão dos fluxos de suspensão e exclusão,  com objetivo de retenção dos beneficiários.
  • Disponibilizar autoatendimento para o processo de negociação por meio do portal e aplicativo da Cemig Saúde.
  • O cadastro atualizado também simplifica nossa comunicação, certo? Por isso, queremos apostar em campanhas de atualização cadastral. Dessa forma, chegaremos a você com mais facilidade.  

Essas medidas, caso aprovadas e implantadas, vão contribuir para o nosso plano e para você, que vai ter mais formas opções na forma de pagamento, além de mais comodidade e mais possibilidades de negociação. Dessa forma, todo mundo ganha.