29/07/2020

Genéricos: qualidade e segurança em seus tratamentos médicos

A partir do dia 1º de setembro, a Cemig Saúde passa a cobrir apenas medicamentos genéricos. Mas, se você precisa de um remédio que não possui a versão genérica, não precisa se preocupar: ele continuará sendo reembolsado pela Operadora.

A mudança não é por acaso, pois aqui na Cemig Saúde esses medicamentos já são os preferidos de nossos beneficiários. Para se ter uma ideia, 65% deles adquirem genéricos na farmácia. Esse cenário reflete os números do mercado, pois de acordo com a Pró-Genéricos (Associação Brasileira das Indústrias de Medicamentos Genéricos), 79% dos brasileiros compram ou já compraram genéricos. Além disso, eles representam 85% das vendas em farmácias populares.

Mas por que genéricos?
Esses medicamentos oferecem toda a qualidade, eficiência e segurança que você precisa em seus tratamentos médicos, elementos que vêm marcando presença em toda a história dos genéricos no Brasil. Eles chegaram por aqui em 1999 e, em 2020, estão completando 21 anos.

Como seu preço é até 35% mais barato do que remédios de marca, os genéricos revolucionaram a saúde pública brasileira e contribuíram para que milhares de pessoas tivessem acesso a tratamentos de qualidade. E o preço pode ser ainda menor, pois eles custam, em média, até 60% menos. Desde que os genéricos chegaram ao Brasil, isso resultou em uma economia de mais de R$ 150 bilhões para os consumidores, de acordo com dados da Pró-Genéricos.

Se você está se perguntando o motivo do preço baixo, pode ficar tranquilo: é que os genéricos utilizam a pesquisa que foi feita quando do desenvolvimento do medicamento de referência e não investem tanto em publicidade para a marca. Afinal, são cópia de remédios com patente expirada e já consolidados no mercado. Portanto, eles têm as mesmas características e produzem os mesmos efeitos no organismo que os medicamentos de marca.

Portanto, em sua próxima consulta médica, peça ao seu médico para indicar a versão genérica na receita. O profissional vai tirar todas as suas dúvidas sobre o medicamento e informar se o original pode ser substituído ou não, adiantando o trabalho na hora de comprar o produto na farmácia.

Ainda tem dúvidas sobre a mudança? Clique aqui e confira as principais perguntas e respostas sobre o assunto.