22/12/2020

Conheça a auditoria prévia da Cemig Saúde

Quando um beneficiário precisa de um atendimento médico, a Cemig Saúde entra em ação para oferecer a melhor assistência à sua saúde. Essa assistência é prestada sempre que solicitada, envolvendo tanto exames e procedimentos simples quanto os mais complexos.

Você provavelmente percebeu que alguns exames ou procedimentos solicitados pelo médico em uma consulta são autorizados automaticamente pela Cemig Saúde. Nesse caso, trata-se de processos simples. No entanto, procedimentos mais complexos – como uma internação ou um exame que envolva o uso de materiais e medicamentos mais específicos – requerem uma análise técnica de médicos e enfermeiros do próprio plano. É a chamada auditoria prévia.

A análise interna de procedimentos médicos é feita por todas as operadoras de planos de saúde, inclusive a Cemig Saúde, e tem o objetivo de garantir que o atendimento seja realizado com qualidade assistencial e segurança para o paciente. Para isso, são estabelecidos processos e regras de análise para todos os processos e itens envolvidos, como procedimentos, materiais, medicamentos, entre outros. Essa é uma prática comum no mercado, sendo regulamentada pela Lei dos Planos de Saúde (Lei nº 9.656/98) e corroborada pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Ao efetuar a auditoria técnica, a Cemig Saúde consegue analisar se o procedimento ou exame é realmente necessário e se está sendo solicitado conforme o que foi contratado, bem como de acordo com a prática de assistência em saúde.

Para que a auditoria seja feita, o médico, hospital, clínica ou laboratório devem enviar diversos documentos à Cemig Saúde (como laudo de exames laboratoriais e de imagem, relatório médico e/ou descrição dos materiais que serão utilizados no procedimento), essenciais para que nossos profissionais avaliem a solicitação e possam tomar a decisão adequada sobre o que autorizar para aquela necessidade.
Sem essa documentação, não há informações suficientes para dar um parecer técnico consistente e fazer uma análise criteriosa em relação à qualidade da assistência e ao custo. Por isso, quando esses documentos não são enviados, o tempo de autorização pode ficar comprometido.

Para melhorar a experiência dos beneficiários com o plano e garantir uma assistência cada vez mais eficiente, a Operadora tem atuado junto à sua rede conveniada e implementado novos processos. Um exemplo disso é a criação de listas referenciais para os prestadores, que reúnem todos os documentos necessários para exames e procedimentos. Assim, o prestador pode conferir a documentação necessária e enviá-la ao plano, a fim de agilizar a análise e, consequentemente, a autorização.

Quanto mais rápido o médico encaminhar os documentos para a Cemig Saúde, mais rápido você vai receber uma resposta do plano para fazer o seu exame ou procedimento com tranquilidade e no tempo certo.

Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o www.cemigsaude.org.br você estará de acordo com os critérios de monitoramento dos cookies. Para ter mais informações como isso é feito, acesse a Política de Privacidade. Se você concorda, clique em ACEITO.